terça-feira, 14 de outubro de 2008

The Mirror Maze..

Passamos a vida correndo, as vezes parece que tentamos fugir e outras vezes parece que procuramos aproximar-nos do que é impossível. Queremos tanto satisfazer as nossas próprias necessidades egocêntricas que acabamos vivendo num autêntico circo! Sim, um circo em que todos fazem exactamente o mesmo. Todos são actores do mesmo filme. Somos reflexos dos outros e até nos assustamos quando olhamos para o espelho e vemos o que vemos. Nos surpreendemos com as acções que os outros constroem e ficamos desorientados quando somos capazes de as fazer. A grande virtude para alguns é que conseguimos ser auto-suficientes, conseguimos ser capazes de seleccionar da panóplia de estratégias (desenvolvidas no percurso da nossa vida) maneiras mais produtivas para lidar com o desconhecido. Afortunadamente ou desafortunadamente quando não temos recursos, simplesmente procuramos criativamente como responder à pressão imposta socialmente para a sobrevivência. Não estamos sozinhos neste circo, sempre há “jogos sujos” que devemos aprender a gerir enquanto todos ficam a olhar para nós.
Audácia, simpatia, criatividade e um bom sentido do humor são ingredientes que nunca deveriam faltar no nosso repertório subliminar face ás dificuldades. Estou cada vez mais convencida disso. . .

Sem comentários:

Enviar um comentário

Que pensas sobre isto? Desejas partilhar algo parecido? Concordas ou não?
Obrigada pela visita!