domingo, 18 de abril de 2010

Casamentos!


"A taxa de divórcio tem aumentado em Portugal, com uma subida de 8,3 por cento entre 2000 e 2008, de acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística". 

É esta a noticia que leio hoje e que me deixa espantada; fico inevitavelmente a pensar: O que é que isto significa? Na verdade, isto pode significar muitas coisas, para mim revela que os tempos mudaram e que o casamento deixou de ser para toda uma vida! Aquilo que até poucos tempos atrás era considerado um sacramento da igreja, uma bênção de Deus e uma forma de demonstrar amor eterno para toda uma vida, agora tornou-se a coisa mais banal da nossa história. As pessoas se casam e divorciam como se se tratasse de mudar de calças. Fico espantada com o próprio valor que o casamento tem vindo a assumir na nossa sociedade e isto deixa-me ainda a pensar que as pessoas já estão "fartas" de manter relações, e que grande parte delas começam com expectativas pouco realistas daquilo que realmente é ter e manter uma relação. O casamento é um processo complexo, cheio de desafios e a maior parte deles não estão previstos, daí que não hajam receitas para casamentos felizes, pois todos passam por momentos difíceis e por momentos de maior felicidade... Se pensarmos bem, com atitudes certas e atribuindo o valor que se merece, é possível alimentar uma relação! 

Quantos dos que estão a ler este post e que namoram, ou estão casados, 
sentou-se alguma vez para falar sobre isto com o seu companheiro(a)?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Que pensas sobre isto? Desejas partilhar algo parecido? Concordas ou não?
Obrigada pela visita!